A inauguração da minha exposição constituiu um momento importante no meu percurso apaixonado pela pintura a óleo.
As palavras proferidas pelo nosso Presidente da Câmara, dr. Raul Castro, foram mais um testemunho da sua simpatia e do apreço que a edilidade dedica aos eventos que apoia no âmbito da divulgação cultural e artística do Concelho.
 
 
Cumpre-me agradecer as suas palavras referindo a sua admiração pelas obras expostas.
Ao arq. João Roda, com uma eloquente intervenção, dissertando sobre a evolução da pintura através dos tempos, devo igualmente um sentimento de gratidão, também pela valorização que atribuiu aos meus trabalhos.
 
 
 
 

 
                                                           










A presença de muitos amigos foi deveras sensibilizante, não podendo deixar de expressar um especial carinho pela presença daqueles que se deslocaram desde Coimbra, Pombal, Paião, Pedrógão, Vieira de Leiria e Alcanena propositadamente para este acto inaugural.
            
 
A todos o meu maior e reconhecido agradecimento.

6 comentários:

Rui Pascoal disse...

Tenho vindo a acompanhar as tuas pinturas com enorme prazer e constato que elas, tal como um bom Vinho do Porto, melhoram com a idade. Por isso quero erguer o meu cálice para brindar à tua saúde, às obras que já fizeste e aquelas que ainda nos virás a mostrar.
Arnaldo, aceita uma vez mais os meus sinceros parabéns!

Arnaldo disse...

Muito obrigado pelo teu brinde! TCHIMTCHIM!!!!!!|

as-nunes disse...

Ainda esta semana conto ir ver esta exposição, Arnaldo.

O seu estilo realista/naturalista é muito do meu gosto...

Felicidades.

Arnaldo disse...

Obrigado amigo Nunes.
Terei muito gosto em acompanhá-lo na visita, se assim o entender.

graciela disse...

Pura magia concentrada
ágeis mãos
olhar aguçado
envolvência que toca
mescla de todos os sentidos
que o intelecto coordena e autentica

magníficos os sete e todos os outros
a nobreza da filigrana arquitectónica
a exaltação da sobriedade
a infalibilidade que levita

quanto sonho…todas as noites de Leiria
os belos vestidos de espuma colorida
encharcar-me-iam na fonte luminosa
valsando Strauß em sedução
….

deixo que a música entretele a arte

parabéns

Arnaldo disse...

Graciela, a sua poesia, que dedica à minha exposição, é mais uma acha para a fogueira do meu desejo em dar continuidade a este gosto pela pintura, enquanto tal me for possível.
Um grande bem-haja por me brindar com a magia de um poema.

About